Dicas de plantas para cultivar na sua casa – Blog da ECAP: abordagens exclusivas de morar com qualidade e bem-estar.

Que ter planta em casa só traz vantagens todo mundo já sabe, né? Além de trazer vida para qualquer ambiente, contribui também para deixá-lo mais charmoso e aconchegante, sem contar na melhora significativa da qualidade do ar.

A grande dúvida aqui é saber quais as espécies são as mais indicadas para ter na varanda no quintal de casa, por exemplo. Para ajudar você a fazer a escolha certa, separamos alguns tipos para você poder cultivar dentro de casa. Confira:

Samambaia

Com folhas longas e coloração verde-clara, a samambaia é vistosa e apresenta grande volume, ideal para ser patada e posicionada em vasos suspensos ou em locais altos. A iluminação perfeita para o seu cultivo é a meia-sombra, mas pode se adaptar também a ambientes com iluminação difusa. Evite deixá-la perto de janelas ou em locais que passam corrente de ar em excesso, pois o vento pode queimar a folhagem mais jovem.

Orquídea

As orquídeas são plantas pet friendly. Podem ser usadas para decorar quartos ou qualquer ambiente interno, já que são purificadoras do ar e não liberam aromas intensos. Ao adquirir uma orquídea de qualquer tipo, é necessário replanta-la em um espaço maior. De uma maneira geral, aguentam quantidades consideráveis de água e preferem horários amenos de iluminação solar. As flores são sensíveis e expô-las diretamente ao sol forte pode fazer com que se queimem ou desidratem.

Bromélia

Se existe uma planta que não oferece nenhum tipo de ameaça aos animais, é a bromélia. Ela não precisa de muita luz para crescer e sobreviver. Pode deixá-la dentro de casa e perto do seu bichinho de estimação caso tenha um. Uma excelente opção para enfeitar com segurança qualquer um de seus cômodos.

Suculentas

As suculentas são bem fáceis de cuidar e costumam avisar do que precisam. Se as folhas começarem a murchar, aumente gradativamente a quantidade de água. Se folhas da base começarem a apodrecer, diminua. Se ficar fina e perder muitas folhas, é sinal de que pode não estar recebendo a quantidade necessária de luz. O ideal é proporcionar pelo menos quatro horas diárias de sol para que elas se mantenham saudáveis.

Lança-de-São-Jorge

Possui um visual bem ornamental e é bem resistente. Adora ambientes internos à meia-sombra e também vai bem quando cultivada sob sol pleno e luz difusa. Pede pouca água e suporta ambientes com ar-condicionado.

E aí, cultiva alguma dessas na sua casa? Tem alguma dica de espécie que queira compartilhar com a gente? Acesse o nosso site, redes sociais ou entre em contato com a nossa equipe pelo telefone (61) 3246-2721.

Escreva um comentário