INCC e IGP-M: 2 siglas que você precisa saber antes de comprar o seu imóvel – Blog da ECAP: abordagens exclusivas de morar com qualidade e bem-estar.

Ao financiar um imóvel, o banco costuma acrescentar diversas taxas ao valor original do bem. E é nesse momento que o consumidor precisa conhecer e entender o funcionamento de algumas taxas importantes, como o IGP-M (índice Geral de Preços do Mercado) e o INCC (Índice Nacional de Custo de Produção). Vamos lá!

IGP-M

O Índice Geral de Preços de Mercado (IGP-M) serve de base para o cálculo de ativos, como bens, valores, créditos e direitos, e medir a movimentação dos preços no mercado nacional.

É calculado por meio do monitoramento dos mais variados tipos de produtos que fazem parte do dia a dia de todo brasileiro, desde matérias primas de origem animal, vegetal ou mineral, até bens e serviços do consumidor final, como imóveis, aluguéis, vestuário, alimentação, cartórios, lazer, transporte etc.

Vale destacar que está presente em praticamente tudo que consumimos, é impossível não ser atingido por ele em, pelo menos, produtos básicos do dia a dia. Atualmente, ele é utilizado na deflação dos valores contratuais nos processos de aluguel, compra e venda de imóveis. E é a principal referência na definição de reajustes e correções nas negociações imobiliárias, incluindo financiamentos de longo prazo.

INCC

Já o Índice Nacional de Custo de Produção (INCC) é utilizado para corrigir os valores da parcela do financiamento, principalmente quando o imóvel adquirido ainda está na planta.

Com o passar do tempo e a valorização do imóvel e da região em que está inserido, o INCC entra para regular e reajustar o valor do imóvel de acordo com a situação atual dele e da região. Esse índice é calculado mês a mês, portanto afeta diretamente a parcela paga.

Se você pensa em financiar um imóvel em andamento ou pretende entrar em um, é fundamental conhecer esses e outros índices para entender o que está pagando e saber se os valores são de fato devidos. Além claro, de não ser pego de surpresa no fim do contrato.

E aí, mais seguro para financiar o seu imóvel? Seja como for, conte com a ECAP. Fale com a gente nas redes sociais ou entre em contato com a nossa equipe pelo telefone (61) 3246-2721.

Escreva um comentário